• Queijo Minas Artesanal do Gir

    tulio

    Queijo do Gir

    “Queijo do Gir”, fabricado pela dupla Bento e Túlio Madureira, criadores de gir e produtores de queijo com leite somente de vacas gir no Serro (MG).

     

     

    Gostou deste produto?!

    Entre em contato conosco e solicite nossos produtos.

  • Queijo Minas Artesanal do Zé Mario

    jose mario

    Queijo do Zé Mário

    Microregião: Canastra.

    Município: São Roque de Minas

    Fazenda: São Bento.

    O queijo dos antigos era o curado. Daquele bem firme e amarelinho, soltando manteiga pelo buraco. Ia da fazenda para a São Roque de Minas na canastra dependurada no lombo de burro. Já na cidade, se formava aquela fila de caboclos na frente da banca do queijeiro a espera da negociação. Cada qual com sua carga de queijo curado juntada para lá de mês.
    Naquele tempo, a inspeção já começava pelo olho e pela mão do comprador. Se tivesse uma manchinha na peça, quá! Voltava para a fazenda no lombo do burro porque não era bem feitinho e não servia para seguir viagem.
    Seu Zé Mário é um destes caboclos de lombo curado pelo tempo e pelas lembranças. Do mato veio, no mato cresceu, dele se curou e nele mantem firme a tradição do Queijo da Canastra amarelinho que só. O sorriso e a cara boa só mudam quando alguém vem e fala no tal de stress. Zé Mário sabe: assim como uma vida bem vivida, um queijo artesanal bem feitinho precisa de tempo.
    Devagarinho…acelera a cura dele para você ver! Não vai dar coisa que preste não. É preciso tempo! Se depender do queijo do Seu Zé Mário, as vacas e a dona Valdete – a mão santa da queijaria do marido – podem ficar tranquilas: não tem desassossego que faça ele acelerar o passo e produzir mais do que a precisão.

    Fonte: queijodacanastra.com.br

    Gostou deste produto?!

    Entre em contato conosco e solicite nossos produtos.

  • Queijo Minas Artesanal do Reginaldo e Heliane

    Exposição dos Queijos do Produtor Reginaldo.

    Queijo do Reginaldo e Heliane

    Microregião: Canastra.

    Município: Medeiros

    Fazenda: Campo Belo .

     

    Na Fazenda Campo Belo em Medeiros-MG, nossa família vem produzindo o Queijo Minas Artesanal da Canastra, desde 1995.

    Trazemos nossa marca a tradição e o saber-fazer. Herdados de nosso bisavós, ou seja, somos a quarta geração produtora. Não dispensamos uma boa dose de carinho e capricho. Tendo o cuidado de preservar nossas raízes e tradições ao aderirmos novos processos de comercialização.

    Bem sabemos, que essa herança cultural compõe a historia que se faz em forma de prosa e verso por todos os cantos destas terras são as nossas maiores riquezas...a cada dia nasce uma bela e deliciosa obra de arte única, ``Em forma de Queijo Canastra``.

    Pela fé e esperança sempre se abre uma nova página ... A quem vier conhecer é de bom grado que o recebemos aqui neste chão ou através deste tesouro! Ao qual aqui chamamos de Queijo Minas Artesanal Canastra.

    Aqui você encontra um produto certificado, de sabor suave, apetitoso, trabalhado com zelo, apreço e amor. Produzimos o tradicional Canastra pesando 1,0 a 1,3 Kg e o merendeiro que pesa de 600 a 700 gramas.

     

    Gostou deste produto?!

    Entre em contato conosco e solicite nossos produtos.

  • Queijo Minas Artesanal do Carlos e Solange

    IMG_8267 (1)

    Queijo do Carlos e Solange

     

    Um dia chegaram com arma na mão; mandaram o avô juntar as coisas e descer com o gado, enquanto as pancadas
    colocavam a casa no chão. O menino não teve tino nem para ficar assustado. Era pequeno e não entendia bem o
    porquê de nunca mais fazer o queijinho ali no alto da serra.

    Anos depois, Carlos ajeita o chapéu debaixo da jabuticabeira para conseguir lançar a vista para cima. De canto de
    olho, avista ali pertinho, no fundo da Fazenda Capão Grande, o início do chapadão da Serra da Canastra, de onde, um
    dia, sua família desceu e não mais subiu.

    Os tios eram muitos, mas o destino forçado lhes colocou a espalhar gente por outras paragens. O queijo milenar
    passou a ser feito pelo pai de Carlos ali mesmo na planície, sejas nos tempos das águas quanto na época de seca,
    quando antigamente o caminho era o pasto farto da serra.

    Hoje, Carlos, aquele menino expulso da serra junto com o avô, toca a tradição da família. Na queijeira do Capão
    Grande, ele e a esposa, Solange, vão dando forma a cada uma das peças como se fosse colocando fotos antigas num
    álbum de retratos.

    Assim como o parque foi criado para preservar a serra, Carlos e Solange produzem o Queijo da Canastra para
    preservar a tradição dos antepassados. Os dois se orgulham de tantas histórias; de saber que a família está unida
    novamente na produção do queijo, pois cada pedaço saído da fazenda leva também a história de muitas pessoas que já
    se foram, mas deixaram os grandes ensinamentos.

    Fonte: queijodacanastra.com.br

    Gostou deste produto?!

    Entre em contato conosco e solicite nossos produtos.

Venda do Mineiro

Venda do Mineiro